sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Andebol – “Pavilhão das Travessas” recebe em Jan 2014 jogo de apuramento para Mundial de Andebol 2015

Espera-se um aspeto idêntico ao do Mundial de 2003 para este jogo

Seleções masculinas de Portugal e Estónia defrontam-se em S. João da Madeira

Depois do Mundial de Andebol de 2003, em que S. João da Madeira acolheu os jogos do grupo D da competição, o Pavilhão das Travessas vai voltar a receber uma prova internacional da modalidade com a realização de um jogo de apuramento para o Campeonato do Mundo de Andebol de 2015, entre Portugal e a Estónia.

O encontro está agendado para 5 de janeiro de 2014 e a realização da partida no Pavilhão das Travessas é o resultado de uma parceria entre a Associação Desportiva Sanjoanense, a Federação Portuguesa de Andebol e a Câmara Municipal de S. João da Madeira.

De acordo com Manuel Andrade, diretor da secção de andebol alvinegra, trata-se de uma meta definida pelos responsáveis da modalidade aquando a sua tomada de posse. “Quando pegamos na secção de andebol, numa das primeira reuniões que tivemos na Associação de Andebol de Aveiro, mostramo-nos disponíveis para realizar encontros internacionais, principalmente das seleções A, tanto masculina como feminina”, esclarece o responsável, que acredita que um encontro desta envergadura irá ser benéfico para a AD Sanjoanense. “Se não for mais, o clube vai ter a sua imagem a correr o mundo do andebol. Precisávamos de alguma coisa para abanar com a cidade. Esta é a modalidade que está mais longe do centro e não é qualquer adepto que vem ao Pavilhão das Travessas para assistir a um jogo de andebol”, refere Manuel Andrade, lembrando que no último encontro da equipa alvinegra foram pouco mais de 40 pessoas presentes nas bancadas. “Queremos demonstrar também que temos capacidade de organizar um evento desta envergadura”, acrescenta o diretor, que acredita que o encontro será benéfico também para a própria cidade de S. João da Madeira.

Dada a exigência da partida, onde se irão defrontar duas seleções nacionais que disputam o apuramento para o Campeonato do Mundo de 2015, que se realiza no Qatar, não há margem para erros em termos organizativos. “A Federação Portuguesa de Andebol será apenas responsável pelo alojamento e a mobilidade das equipas, sendo que tudo o resto terá de ser organizado pela Sanjoanense. Vamos começar a trabalhar já em dezembro para ter tudo pronto a tempo e horas”, refere Manuel Andrade. Para isso, o clube alvinegro irá recorrer à própria secção, tendo já discutido essa situação com algumas equipas. “Necessitamos de guias e de pessoal que faça a tradução”, sublinha.

Salientando que as entradas para o jogo são da responsabilidade da Federação Portuguesa de Andebol, Manuel Andrade admite que o objetivo da organização para o encontro é colocar quatro mil pessoas nas bancadas. “Se não o atingirmos, acredito que vamos ficar lá perto”, refere o diretor.

Fonte: Semanário Labor.pt

Sem comentários:

Publicar um comentário