quarta-feira, 15 de julho de 2009

XIX Women´s Handball World Championship - Angola no Grupo B no Mundial 2009 da China


A selecção nacional sénior feminina de andebol de Angola, está no Grupo B do Campeonato do Mundo, a disputar-se entre 5 e 20 de Dezembro deste ano, ao lado da detentora do título Rússia, Ucrânia, Áustria, Austrália e Tailândia, ditou o sorteio efectuado hoje, na Suíça.

Depois do sétimo lugar obtido pelas campeãs africanas de andebol em França, em 2007, a Federação Angolana da modalidade (FAA) estabeleceu como meta a melhoria da classificação do mundial passado, facto que poderá ser difícil de se cumprir em face dos adversários que integram a primeira fase da prova.

Em declarações hoje à imprensa, após o sorteio do Mundial da China, Pedro Godinho, presidente da FAA, reconheceu que será uma Missão complicada repetir a proeza de há dois anos, por causa da ausência de jogadoras preponderante da equipa que conseguiu entrar no G-8 do andebol universal.

Apesar disso, o responsável federativo acredita que tudo vai depender do cruzamento da segunda fase, acrescentando que a meta agora é atingir primeiro o grupo dos 12 melhores, entre 24 selecções apuradas para o evento a ter lugar na China. Em função da prestação do plantel na fase inicial, Angola poderá chegar ao leque dos oito.

Na série B, as angolanas, nove vezes campeãs africanas, vão ter pela frente a Rússia, cinco vezes vencedora do Mundial e actual detentora do título, Ucrânia, Áustria (com a qual nunca venceu nas três ocasiões – duas vezes em mundiais e uma nos Jogos Olímpicos), Austrália e Tailândia.

As duas últimas formações estão ao alcance das africanas, ao passo que o terceiro lugar do grupo será discutido pelas selecções da Áustria e de Angola, em função do favoritismo da poderosa Rússia e da Ucrânia.

Em relação aos demais grupos, o Grupo A é integrado pela Alemanha, França, Suécia, Dinamarca, Congo e Brasil, ao passo que no Grupo C estão Noruega, Roménia, Hungria, Japão, Tunísia e China. O Grupo D é composto pela Espanha, Coreia do Sul, China, Cote d Ivoire, Argélia e Kazaquistão.
Fonte: AngolaPress

Sem comentários:

Publicar um comentário