quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Andebol Sen.Masc.– O ressurgimento da AD Sanjoanense

logo-ad sanjoanense Depois de um ano de interregno nos seniores masculinos, devido às enormes dificuldades financeiras e humanas do clube, a secção de andebol da AD Sanjoanense decidiu avançar novamente com o seu escalão referência, onde vai participar na PO.03A – Prova de Acesso ao Nacional da 3ªDivisão 2011/2012.

Ao repto lançado, apareceram já vários jogadores com vontade de representar e dignificar ao máximo o clube. Com estes jogadores, aliados aos juniores masculinos, certamente vai ser um ano de grande trabalho e dedicação, para se elevar o nome do clube.

Será, sem sombra de dúvidas, um grande desafio que todos vão querer vencer. Contudo, não podemos deixar de destacar que, neste regresso à competição, a AD Sanjoanense vai defrontar verdadeiros clássicos do andebol, como o Boavista FC, SC Espinho, SC Salgueiros08, etc.

foto

Na nova época desportiva, o andebol sanjoanense, atravessando algumas dificuldades inerentes à saída de vários dos seus elementos base, teve que, de certa forma, se readaptar e reajustar a uma realidade cada vez mais difícil. Sendo assim, conseguiu-se dinamizar a modalidade de forma a que a qualidade do trabalho possa ser assegurada, para que todos os atletas sintam que todos os esforços são feitos para a manutenção da qualidade, da ambição e, acima de tudo, do rigor.

Saíram técnicos, a quem estaremos sempre gratos pelo trabalho prestado, mais concretamente no masculino, o Daniel Calado, técnico com histórico muito interessante no clube; Carina Gonçalves, técnica dedicada aos mais pequeninos e Manuel António, um dos homens fortes e impulsionador do andebol feminino no clube. São pessoas que fazem sempre falta aos clubes, mas, acima de tudo, que têm sempre a porta aberta, porque a história da AD Sanjoanense foi construída também por eles. Por isso, o nosso muito obrigado e desejamos a melhor sorte do mundo a todos eles.

Com estas saídas, existiram as inevitáveis entradas. O prof. Filipe Rosário vem colmatar uma lacuna na formação, dado que, aliando a sua formação base ao seu gosto pelo andebol, estamos convictos de que será uma mais-valia importante no processo de formação e de decisão do clube. A prof.ª Rosário Gestosa também irá colaborar na medida do possível para ajudar os novos técnicos que necessitam de apoio, para que o seu crescimento seja mais sustentado. André Lima, Emanuel Silva e Sérgio Paiva asseguram a parte das equipas de formação, transitando da época passada, continuando, assim, o trabalho iniciado na época passada.

A grande surpresa desta nova época é o surgimento do tão desejado escalão de seniores masculinos. Uma vontade expressa por muitos, mas adiada por alguns, devido às dificuldades do clube. Para esse projecto foi convidado José Fonseca, para dar novamente um novo impulso à modalidade e, mais concretamente, a esse escalão. Uma pessoa experiente que, apesar da “tenra” idade, conhece muito bem todos os cantos à casa. Neste momento, o técnico assegura os seniores e temporariamente os juniores. Contudo, irá contar com o apoio de mais pessoas. Um regresso engraçado, dado que no campeonato vai encontrar outras equipas que foram grandes clássicos do andebol, como o Boavista, Salgueiros e Espinho. Estas entradas vêm dar um novo ânimo aos atletas, aos pais e aos dirigentes, que certamente irão trabalhar de forma segura e estruturada para que o andebol possa evoluir.

Este é um desafio muito difícil que o andebol se predispõe a assumir; contudo, definimos um patamar de excelência que queremos atingir e só com metas ambiciosas e muito trabalho conseguiremos elevar o nome do clube e da modalidade. Para isso, o apoio de todos é importante, sejam pais, atletas, dirigentes, técnicos, e, acima de tudo, sócios e empresas que decidam colaborar com esta onda, que certamente vai começar novamente a crescer.
Por um andebol forte, por uma Sanjoanense ambiciosa...

A direcção do andebol

Fonte: Jornal Semanário – “O Regional”

Sem comentários:

Publicar um comentário